Como instalar o Thunderbird 6.0 no Ubuntu 11.04 Natty Narwhal usando PPA

Padrão

Editar o arquivo sources.list

$ sudo gedit /etc/apt/sources.list

Acrescentar as linhas seguintes no final do arquivo:
deb http://ppa.launchpad.net/ubuntu-mozilla-daily/ppa/ubuntu natty main

deb-src http://ppa.launchpad.net/ubuntu-mozilla-daily/ppa/ubuntu natty main

Executar em seguida os comandos:

$ sudo apt-key adv –keyserver keyserver.ubuntu.com –recv-keys 247510BE

$ sudo apt-get update

$ sudo  apt-get install thunderbird thunderbird-locale-pt-br

Ranking das 50 distribuições Linux/BSD/Solaris mais usadas

Padrão

dwbannerSegundo o site Distrowatch (http://distrowatch.com/stats.php?section=popularity) as 50 distribuições mais utilizadas até hoje, nos últimos 12 meses são:

(os números ao lado representam a média de page hits diário)


1 Ubuntu 2221
2 openSUSE 1454
3 Fedora 1441
4 Mint 1401
5 Debian 1074
6 Mandriva 970
7 PCLinuxOS 853
8 Puppy 718
9 Sabayon 667
10 CentOS 626
11 Arch 617
12 MEPIS 586
13 Slackware 561
14 FreeBSD 491
15 Kubuntu 427
16 Damn Small 423
17 Vector 402
18 Dreamlinux 379
19 Zenwalk 357
20 gOS 356
21 Gentoo 341
22 KNOPPIX 340
23 PC-BSD 329
24 OpenSolaris 288
25 sidux 281
26 Ubuntu Studio 280
27 Xubuntu 278
28 Tiny Core 257
29 Ultimate 255
30 Elive 246
31 CrunchBang 238
32 TinyMe 237
33 Red Hat 236
34 Slax 227
35 PC/OS 224
36 Parted Magic 208
37 BackTrack 207
38 Mythbuntu 192
39 SystemRescue 190
40 Frugalware 180
41 Pardus 176
42 Absolute 171
43 Clonezilla 161
44 Xandros 154
45 linuX-gamers 148
46 Easy Peasy 147
47 OpenGEU 145
48 Linpus 142
49 Scientific 135
50 GeeXboX 133

A força da tradição – Alo Mundo!

Padrão

Segundo a Wikipédia, tradição “mais precisamente é uma transmissão oral de lendas ou narrativas ou de valores espirituais de geração em geração. Uma crença de um povo, algo que é seguido conservadoramente e com respeito através das gerações. Uma recordação, memória ou costume”.
Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Tradição.

Como não pude resistir a tentação, digo tradição, segue dois programas da minha coleção particular de “Alô mundo!” em algumas linguagens de programação:

Em Pascal – alomundo.pas:
program alomundo (input, output);
begin
writeln(‘Alô mundo! ‘);
end.

Em C# – alomundo.cs:
using System;
namespace AloMundo
{
class AloMundoApp
{
public static void Main()
{
Console.WriteLine(“Alô Mundo! “);
}
}
}

O assunto é tão sério, que seria um sacrilégio desrespeitar a tradição, basta dar uma olhada na Wikipédia em http://pt.wikipedia.org/wiki/Programa_Olá_Mundo

Como recuperar o Grub após a instalação do Windows – Debian/Ubuntu

Padrão

1 – Inicialize o computador com um distribuição LiveCD.

2 – Execute o fdisk para obter uma lista das partições existentes:
$ sudo fdisk -l

3 – Localize a partição onde o Linux está instalado e monte-a em /mnt:
$ sudo mount /dev/sdX /mnt
Onde sdX é a partição onde o Linux se encontra.

4 – Com a partição montada recupere o Grub:
$ sudo grub-install –root-directory=/mnt /dev/sdX
Lembre-se que caso seu disco tenha partições separadas para /boot, /home, /tmp, /var, etc., montar a partição / em /mnt e depois montar a partição /boot em /mnt/boot, senão não dará certo.

Exemplo:
/boot em /dev/sda2
/ em /dev/sda9

Comandos:
$ sudo mount /dev/sda9 /mnt
$ sudo mount /dev/sda2 /mnt/boot
$ sudo grub-install –root-directory=/mnt /dev/sda